Projeto Voz e um novo olhar sobre a privação da liberdade

Para quem acompanha o blog, sabe que tenho um grande interesse pelo sistema prisional e por temas que se conectam à segurança pública, de modo geral. Apesar de ser algo esperado, para uma pessoa que trabalha há mais de 09 anos no sistema prisional, como eu, essa aproximação se fez mais forte ao longo do tempo. Isso se deu, principalmente, a partir do momento que passei a pesquisar esse mesmo sistema no mestrado e, atualmente, no doutorado.

Portanto, sempre venho trazendo textos, iniciativas e projetos que tratam dessa realidade. Hoje, gostaria de destacar uma iniciativa que já tinha ouvido falar sobre, mas que conheci, oficialmente, esta semana, no início da segunda turma da Qualificação em Saúde para Trabalhadores do Sistema Prisional, parceria entre a Escola de Saúde Pública (ESP-MG) e a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), onde, além de aluno, sou docente. Trata-se do Projeto Voz, idealizado por Leo Drumond, fotógrafo e professor, e Natália Martino, jornalista e pesquisadora.

Projeto Voz 1

“Conjunto de iniciativas nas áreas de educação e comunicação desenvolvidas em unidades prisionais, o Projeto Voz surge como espaço para debates sobre o universo carcerário. O grande diferencial é que trazemos novas vozes, as dos presidiários e seus familiares, para se unirem aos tradicionais discursos que permeiam essa discussão, sem a qual não é possível criar políticas de segurança pública eficientes. Este portal surge não apenas para apresentar as diversas iniciativas do Projeto Voz, mas também para ser um espaço privilegiado no confronto de pontos de vista sobre um sistema carcerário que vai além das rebeliões que permeiam os noticiários”.

Os idealizadores estão cobertos de razão quando dizem que o sistema prisional deve ser visto, discutido e lembrado para além de rebeliões e massacres, como apontei em um texto anterior por aqui. Esse projeto faz com que possamos ver esses ambientes e as pessoas que neles residem e trabalham de outra maneira. Com respeito, humanidade, empatia e maturidade. Com desejo de justiça social, diferente do desejo de vingança, para que possamos construir, de fato, uma sociedade menos desigual, que lide com inteligência e ética com os seus problemas.

Projeto Voz 2

Imagem do livro Mães do Cárcere

Basta a ver beleza das fotos e ouvir a fala engajada e comprometida de Leo e Natália para entender o seu desejo de transmitir o que acreditam ser fundamental: dar voz aos diversos atores desse mundo esquecido e rejeitado por grande parte da sociedade.

A Estrela

“Primeira iniciativa do Projeto Voz, a revista A Estrela consiste em oferecer ferramentas para que pessoas privadas de liberdade participem do debate sobre o sistema carcerário”.

Projeto Voz 5

Imagem da revista A Estrela – Edição 3 Ala LGBT do Presídio de Vespasiano – MG

“São oferecidas aulas de fotografia, vídeo e texto e são discutidas questões como a representação da população carcerária na grande imprensa. A partir desses conhecimentos, os participantes decidem quais pautas gostariam de produzir e, durante uma semana, fotografam, entrevistam, escrevem, filmam e criam conteúdos sobre o assunto. Com esse material, é produzida a revista A Estrela. A publicação é distribuída entre públicos de interesse, como os próprios participantes e suas famílias, operadores do direito, gestores de segurança pública e formadores de opinião”.

Mães do Cárcere

O livro traz “imagens e histórias de mulheres que passaram pelo único presídio brasileiro destinado exclusivamente para gestantes e lactantes […]. Durante um ano a jornalista Natália Martino e o fotógrafo Leo Drumond visitaram semanalmente a unidade prisional. Entrevistaram e fotografaram presas, agentes penitenciárias e membros da diretoria. Participaram de partos, audiências judiciais, festas de aniversário, casamentos, cerimônias de separação entre mães e filhos. Brincaram com as crianças e se afeiçoaram a elas. Pesquisaram e estudaram na tentativa de entender aquele universo”.

Projeto Voz 4

Imagem do livro Mães do Cárcere

No site do Projeto Voz, você encontra maiores informações e também artigos. Recomendo ainda os vídeos abaixo para conhecer mais sobre as ações de Leo Drumond e Natália Martino.

Agenda – revista A Estrela

“O Agenda foi conferir a revista A Estrela, produção dos detentos da APAC de Itaúna. A publicação homenageia a revista homônima da década de 1940, que circulou no Rio de Janeiro para dar voz aos presos da Penitenciária Central do Distrito Federal”.

Roda de Conversa – Revista A Estrela

“Apresentação da Revista A Estrela, projeto de jornalismo e audiovisual dentro do cárcere, desenvolvido em Belo Horizonte (MG). Natália Martino e Leo Drumond apresentam o projeto na Roda de Conversa sobre Pena, Prisão e Recuperação, da H360”.

Leia também:

Anúncios

Quero saber a sua opinião. Deixe o seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.